Américas

Galápagos – Tortuga Bay

IMG_2421

Playa Brava

Tortuga Bay é outra excelente atração turística da ilha de Santa Cruz que pode ser feita de maneira autônoma pelo turista, sem necessidade de compra de pacote ou contratação de guia. Mas se o seu objetivo é ver tartarugas gigantes, não se deixe enganar pelo nome. Aqui você muita coisa, menos tartarugas!

IMG_2419

Quase chegando em Playa Brava

Para ir a Tortuga Bay vale a pena pegar um taxi o centro de Puerto Ayora até o ponto em que os veículos são admitidos. O valor é tabelado em U$ 1,50. Dá também pra ir a pé até este local, mas é besteira. Ainda há muita caminhada pela frente e a relação custo-benefício compensa muito!

Após fornecer os dados num posto de controle dá-se início a uma longa caminhada até as praias. O trajeto até seria tranquilo, pois é bem calçado e com poucas subidas e descidas. Mas o sol não dá trégua praticamente nenhum momento. São cerca de 40 minutos até a primeira praia. Então, mais uma vez, não se pode esquecer do kit básico dos passeios de Galápagos: chapéu (ou boné), protetor solar, água e calçado confortável. Pode levar também algum lanche, pois não há nenhum lugar pra se comprar nada nas praias ou no trajeto até elas.

FullSizeRender

Iguana passeia na Playa Brava

Depois da longa caminhada está a Playa Brava. Local de águas cristalinas e uma grande faixa de areia branca. O lugar é maravilhoso! Pena que não é permitido o banho de mar, por conta das correntezas. Apenas a prática de surfe é permitida. De vez em quando aparece uma iguana andando na areia, um pequeno tubarão passeando no raso ou um pelicano “pescando” no mar. Mas nada de tartaruga!

IMG_2439

Playa Mansa

Seguindo pela areia à direita por cerca de dez minutos se chega à Playa Mansa, essa sim própria para o banho. É uma faixa menor de areia, também muito bonita, co um mar que parece uma lagoa de tão calmo. É onde os banhistas podem nadar à vontade.

IMG_2448

Mangue, sombra e cabideiro

Atrás da faixa de areia há um terreno de mangues que o pessoal busca para uma sombrinha. Interessante é que há vários “cabideiros” espalhados perto das árvores para serem usados pelos visitantes, para que bolsas, mochilas, etc. sejam penduradas neles e não nas árvores. Foco na preservação, sempre!

Na minha opinião a Playa Brava é indiscutivelmente mais bonita, e onde se podem tirar fotos mais bacanas. A Playa Mansa é boa pra entrar na água e se refrescar das longas caminhadas. É um passeio que exige certo preparo do turista, mas que recompensa muito bem cada gota de suor deixada no caminho.

 

IMG_2433

Mais uma selfie!

Até a próxima!

 

 

 

 

Deixe uma resposta