Américas

Galápagos – Fundação Charles Darwin

IMG_2472

Fundação Charles Darwin

Quando comprei as passagens pra Galápagos, o primeiro nome que me veio à mente foi de Charles Darwin. Foi nesse arquipélago que o famoso naturista britânico elaborou sua teoria da evolução das espécies. Criada em 1959, a Fundação que leva seu nome é responsável por um intenso trabalho de pesquisa e preservação das espécies locais.

A entrada da fundação fica a cerca de 15 minutos de caminhada do porto de Puerto Ayora. Não tem erro: basta seguir direto a Avenida Charles Darwin. Seguindo a trilha sugerida, o visitante passa por algumas estruturas que contam a história da ilha, das espécies locais, da passagem de Charles Darwin no arquipélago e explicam o trabalho de preservação realizado. Podemos ver também algumas tartarugas gigantes ao longo da trilha, que é bastante acessível.

IMG_2477

Meu grande amigo Solitário George

Há grande destaque para o Solitário George, última tartaruga gigante de sua subespécie, que morreu em 2012. Seu corpo encontra-se preservado para visitação em uma estrutura especialmente construída para ele. Depois de andar um bocado sob muito sol, entrar na sala refrigerada de George, climatizada a 16º C, é um baita alívio e ele se torna seu mais novo amigo de infância! Também o prédio da Fundação o ar condicionado te incentiva a passar um tempo maior na lojinha de lembranças.

IMG_2481

Playa de la Estación

Já na rota de retorno do passeio há a entrada pra Playa de La Estación. É uma bela praia pequena, com muitas pedras, mas com uma água bem cristalina. Vale a pena dar um pulo na água, que tem muitas partes rasas. Serve de refresco pra quem andou bastante sob o sol. Detalhe, você pode ir direto à praia sem passar pela trilha da Fundação. Chega-se nela bem rápido. É talvez a praia mais acessível pra quem está em Puerto Ayora!

Todo o passeio é gratuito, instrutivo e não demanda muito tempo pra se visitar tudo. Fique atento ao horário de funcionamento, pois algumas estruturas fecham pra almoço. Não é o lugar mais emocionante da viagem mas, até por sua importância histórica e ambiental, considero passagem obrigatória pra quem visita Galápagos.

Anúncios

Deixe uma resposta